Rigagens

Os sistemas de rigagens mais conhecidos!

Para começar:

Siga os passos para iscar a minhoca de silicone:

Texas Rig

Texas Rig – O mais antigo e tradicional sistema de montagem, nesse sistema o peso de formato cônico fica solto na linha e na extremidade amarramos o anzol do tipo offset.

Equipamentos:
Texas Light (pesos de 1.8g a 5g)
– Varas de ação rápida de 6″ a 6.6″ (12-14lbs)
– Linhas fluorcarbono entre 6 e 10lbs
– Anzol offset
Texas Heavy (pesos de acima de 7g)
– Varas de ação rápida de 6″ a 7″ (17-25lbs)
– Linhas fluorcarbono entre 10 e 20lbs
– Anzol offset

Trabalho: arrastando, arrastando e intercalando com pequenos toques de ponta de vara para a minhoca dar pequenos pulinhos no fundo.

Florida Rig


Flórida Rig
– O sistema de montagem Flórida pode ser considerado uma variação do Texas Rig. A montagem é basicamente a mesma com a única diferença que o peso ao invés de ficar solto na linha, no flórida é preso com o auxílio de uma borracha ou através de pesos e outro acessórios criados para esse fim.
É ideal para ser usado em estruturas fechadas, locais com enroscos, etc… a forma de trabalho também é semelhante ao Texas.

Equipamentos:
– Varas de ação moderada/rápida de 6″ a 6.6″ (12-14lbs)
– Linhas de fluorcarbono entre 6 e 10lbs
– Pesos entre 1,8 e 7g.
– Anzol offset, offset EWG.

Carolina

Carolina – Juntamente com o Texas rig, um dos mais tradicionais sistema de montagem. Nele temos o peso de formato cônico também solto na linha principal, 1 ou 2 miçangas de vidro e um pequeno girador, na outra ponta do girador, prende-se uma pernada (50cm à 1m) e na extremidade amarramos o anzol do tipo Rig´N hook.


Equipamentos:

Carolina Light / Eufala rig (3.5 e 5g)
– Varas de ação rápida de 6″ a 6.6″
– Linhas de fluorcarbono entre 8-12lbs
– Anzol Rig’N hook, offset EWG
Obs: No Carolina-light / Eufala, o comprimento da pernada geralmente varia entre 20 e 45cm.

Carolina (pesos acima de 7g)
– Varas de ação rápida de 6″ a 7″ (17-25lbs)
– Linhas fluorcarbono entre 10 e 20lbs
– Anzol Rig’N hook, offset EWG

Trabalho: a principal forma de trabalho é arrastando em 2 ou 3 etapas ou recolhendo continuamente bem lento.

Split Shot

Split shot
– Nesse sistema amarramos o anzol na extremidade da linha e um pouco antes (30 a 50cm) fixamos um pequeno peso com o auxílio de um elástico ou acessório semelhante.


Equipamentos
(preferencialmente molinete):
– Pesos 1.8-3.5g
– Varas de ação rápida/moderada de 6″ a 6.6″ (6-14lbs)
– Linhas fluorcarbono entre 4 e 6lbs
– Shinner Hooks, Offset EWG, Split shot hook

Trabalho: a principal forma de trabalho é arrastando no fundo bem lento, a ponta da vara deve ficar sempre para baixo, se o peixe estiver muito inativo, é recomendável aumentar a distância do peso ao anzol, chegando até 1m.
Outra forma de trabalho possível é dando longas puxadas, esperando então a isca chegar ao fundo novamente, preste muita atenção na linha pois é comum o Bass sair nadando com a isca na boca.

Weightless

Weightless (No sink) – Nessa montagem, como o próprio nome sugere, não utilizamos nenhum tipo de peso. Simplesmente amarramos o anzol na extremidade da linha. O peso da minhoca é que auxiliará o arremesso.

Equipamentos (preferenciamente molinete):
– Varas de ação moderada/rápida de 6″ a 6.6″ (6-14lbs)
– Linhas fluorcarbono entre 4 e 8lbs
– Anzol EWG, Rig´N Hook, Wacky hook, Circle hook

Trabalho:
após o arremesso, espere a minhoca atingir a profundidade desejada e trabalhe com pequnos toques de ponta de vara para baixo.

Wacky

Wacky – O sistema Wacky pode ser considerado uma variação do Weightless, a grande diferença está na maneira de colocar a minhoca, que nesse sistema é feita no meio da isca, deixando a ponta do anzol exposta. Uma dica para economizar minhocas é prender o anzol com o auxílio de uma borrachinha ou elástico de dentista.

Equipamentos (preferencialmente molinete):
– Varas de ação moderada/rápida de 6″ a 7″ (6-12lbs)
– Linhas fluorcarbono entre 4 e 8lbs
– Anzol Wacky, Circle hook

Variação: pode inserir um pequeno peso em uma das extremidades da minhoca ou mesmo utilizar um jighead leve no lugar do anzol.

Trabalho: após o arremesso, espere a minhoca atingir a profundidade desejada e trabalhe com pequenos toques de ponta de vara para baixo.

Drop Shot

Drop Shot (Down-shot) – Ao contrário de todos os sistemas anteriores, no down-shot o chumbo fica na extremidade da linha e o anzol é preso um pouco antes, formando uma
pernada semelhante a utilizada na pesca de praia.

Equipamentos:
Drop-shot Light (pesos até 1.8g) / Undershot:
– Varas de molinete, ação moderada de 6″ a 6.6″ (8-12lbs)
– Linhas fluorcarbono entre 4lbs
– Anzol offset, offset EWG (down-shot) / Chinu, circle hook, Splitshot hook (undershot)
Drop-shot (pesos 3.5-7g)
– Varas de molinete/carretilha, ação moderada/rápida de 6″ a 7″ (12-14lbs)
– Linhas fluorcarbono entre 6-10lbs
– Anzol offset, offset EWG, Dropshot Cultiva B-73

Trabalho: após o arremesso, espere o peso chegar ao fundo, estique a linha lentamente para verificar se o peixe não está com a isca na boca, trabalhe a isca dando pequenos toquinhos com a ponta de vara para cima, arraste o chumbo lentamente e repita o movimento.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: